Como posso aumentar minhas vendas?

aumentar-vendaPesquisadores descobriram que há pouca diferença entre as pessoas que ganham pouco e as que ganham muito. Elas têm os mesmos níveis de talento e capacidade. São rodeadas pelo mesmo número de oportunidades e possibilidades. A única diferença é que os vendedores mais bem pagos decidiram ganhar essa quantia, e a única pergunta que fazem o tempo todo é: “Como?”

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
I Parte: Como se relacionar com pessoas difíceis...

pessoas-dificeisO que determina se o relacionamento será bom ou ruim, não será pelo tratamento que você recebe, mas pela forma que você reage a eles. Há vários tipos de pessoas complicadas, e é útil saber identificar seus traços em comum e aprender a lidar de maneira eficaz:

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Tylenol terrorista...

tylenolEm 1982, nos Estados Unidos, uma menina de 12 anos toma um comprimido de Tylenol envenenado com cianureto e morre algumas horas depois. Era uma das sete pessoas que morreram repentinamente após ingerir o medicamento.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Aprenda a ser persuasivo...

persuasivoConseguir que alguém faça alguma coisa sem convencer essa pessoa, de que aquela é a coisa certa a ser feita, não é produto de um trabalho eficaz de motivação, mas de intimidação.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Microtendências...

macrotendenciasSegundo especialistas, a maior parte das descobertas lucrativas daqui para a frente surgirá da observação de pequenos nichos. Veja alguns casos:

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Existe algum efeito na ordem?

ordem-naturalA maioria dos meus clientes me perguntam: professor, é melhor fazer a palestra no começo ou no final do evento? Eu respondo instintivamente, tanto faz! A primeira palestra ou a última tendem a ficar retidas na memória do público em relação a palestra do meio. Mas, um dia comecei a me questionar se minha resposta estava correta. Depois de algumas pesquisas, conclui que a melhor ordem é a primeira fala.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
III Parte: Como se relacionar com pessoas difíceis...

pessoas-dificeis35. Estraga-prazeres: são negativos o tempo todo. Acham tudo impossível e sempre acham um problema em toda solução. Adoram contar e reprisar as ofensas que sofreram nas mãos dos outros. Elas afagam as próprias feridas e não fazem questão de se curar. O fato de haver coisas negativas na vida já é ruim, mas colecionar desgraça e andar por aí se lamuriando para que todos vejam, é doentio.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Não tenha medo...

medoShakespeare já dizia: “nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o que, com frequência, poderíamos ganhar, por simples medo de arriscar." Então, quais os efeitos do medo sobre nossas vidas?

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Escolha pela competência...

escolha-competenciaPendurar a plaquinha na presidência somente por ter o mesmo sobrenome do fundador, e não por competência, é a forma mais rápida de uma empresa chegar a falência. Gostei de uma entrevista do fundador da Amil, Edson Bueno, quando falou sobre preparar seu sucessor, na qual ele ressaltou que não necessariamente seria um de seus filhos.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
II Parte: Como se relacionar com pessoas difíceis...

pessoas-dificeis23. Vulcão: é um tipo explosivo e imprevisível de pessoa que costuma ser muito arredia, provoca muita tensão e é difícil se sentir a vontade, pois nunca se sabe quando estão para explodir.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Uma crise mal resolvida...

intel inside pentiumEm 1994, um professor universitário publicou na internet uma nota sobre um defeito em um chip do computador Intel Pentiun. Mais tarde soube-se que a Intel já havia descoberto esse defeito no Pentium no verão anterior, mas optara por escondê-lo do público. Nas semanas seguintes a Intel sustentou que os chips defeituosos não necessitavam de reposição, argumentando que as probabilidades de o chip causar um erro matemático eram de 1 em 9 bilhões.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault
Copie o que está dando certo...

arezzoVinte anos depois de sua fundação, a Arezzo fazia tudo. Fabricava seus sapatos, criava seus desenhos e moldes. Com prejuízo, seu principal executivo Anderson Birman, concluiu que continuar naquele caminho seria impraticável. A decisão de mudança foi acelerada ainda mais com a chegada dos sapatos chineses, que se espalharam rapidamente pelo seu preço barato.

Leia mais
0
0
0
s2sdefault