O contato visual é primeira conexão com o cliente...

     

É por meio do contato visual que você pode assumir um ar atento ou interrogativo, pode sorrir com os olhos, dar uma piscadela cúmplice, um sinal de aprovação ou de surpresa, e uma ampla variedade de nuances emocionais, cada qual tendo um impacto positivo, negativo ou neutro no cliente.

 

Se um funcionário afasta os olhos do cliente que se aproxima, ou mesmo quando não o vê, é porque preferia não estar lá. Ao evitar o contato visual, ele deixa claro que tem outras coisas em mente e que o cliente não é sua prioridade. Quando é o cliente que finge não estar vendo o atendente, a razão é simples: ele não precisa de atenção naquele momento.

Vale à pena fazer uma lista das expressões que ressaltam a força do olhar nas relações cliente e atendente:

  • Olho no olho.
  • Fechar os olhos para...
  • Manter os olhos bem abertos.
  • Testemunha ocular.
  • No olho do furacão.
  • Olho por olho.
  • Abrir os olhos de alguém.
  • Ficar de olho em...
  • Fechar os olhos para determinada situação.

Essas expressões refletem como usamos o olhar para nos conectarmos com as pessoas e assim fornecer indicadores sutis de nossas intenções. Faça um teste com pessoas de sua confiança. Convide-as a descrever seu olhar e descreva o delas. A seguir pratique expressões dos olhos que reflitam seu estado de espírito: alegria, espanto, tristeza, preocupado e surpresa. Desenvolver essa habilidade é essencial para criar relacionamentos bem-sucedidos.

 

0
0
0
s2smodern